Médico empreendedor: como começar o seu negócio?

Com tanta concorrência no mercado, muitos profissionais da saúde procuram outras formas de se posicionar. Com isso, médico empreendedor é uma forma cada vez mais interessante para iniciar a carreira.

Isso porque, após sair da faculdade, a busca por um consultório para atender os pacientes ou uma vaga em concurso público, pode demorar mais do que se imagina.

Por isso, ao chegar no mercado de trabalho, empreender pode ser uma saída interessante para dar maior independência e dinamismo ao profissional.

Mas, muitos médicos não estão preparados para empreender. Então, como iniciar uma carreira como profissional e saúde autônomo? Confira este post com todas as informações!

Médico empreendedor: por que investir nessa carreira?

As mudanças no mercado de trabalho, tem levado profissionais de diversas áreas, entre elas a saúde, a empreender. Isso porque, as vagas em empresas consolidadas estão cada vez mais escassas e a tecnologia tem ocupado espaços importantes.

Por isso, os fluxos de trabalho e hábitos de consumo estão mudando. Isso também tem acontecido com os médicos, que estão investindo no meio digital, visando o impulsionamento da carreira pela internet.

Com essas possibilidades, iniciar uma carreira empreendedora tendo sido cada vez mais uma alternativa interessante para os médicos.

Isso porque, com a internet, é possível fazer atendimento clínico geral a partir de dispositivos, reduzindo a lotação em consultórios e otimizando as consultas.

Então, principalmente os médicos recém-formados, é uma decisão importante seguir ou não pela carreira empreendedora.

Afinal, quem é considerado um médico empreendedor?

Para se caracterizar um médico empreendedor, é preciso que o profissional abra seu próprio, a sua clínica, visando não só atender os seus pacientes, como alcançar lucratividade.

Assim, esses profissionais assumem riscos, aproveitam oportunidades de mercado e investem em diferentes nichos dentro da sua área de atuação.

Vantagens de investir no empreendedorismo

Além da liberdade profissional a qual o médico adquire ao empreender, o profissional pode formar uma equipe própria, determinar horários de trabalho, focar nos objetivos e ideias que entende sobre a profissão.

Ou seja, quando o médico não atende as regras de um consultório consolidado, ele pode criar formas de interagir e trabalhar com os seus pacientes, tendo como regra, a ética profissional.

Mas, não é só isso. Ao empreender, o médico também adquire novas habilidades e em outras áreas, como na administração e gestão de negócios. Além disso, é possível seguir abordagens e especialidades que sejam interessantes para o profissional e não para a clínica.

Quando o médico é o proprietário do consultório, ele segue os seus pensamentos, tornando a rotina mais estimulante e trabalha focado em seu propósito.

Como empreender na medicina?

Nem sempre o médico sai da faculdade com habilidades suficiente para gerenciar um negócio, além de trabalhar no marketing médico e empreender no mercado.

Por isso, algumas dicas são importantes para os profissionais da saúde que querem empreender. Confira!

Entenda o mercado

O primeiro passo é conhecer o mercado de atuação do médico, entendendo como a concorrência está atuando e o que o público está buscando.

Para isso, é importante fazer pesquisas para avaliar a demanda dos pacientes, as tendências da medicina e coletar dados econômicos sobre a viabilidade do negócio.

Estude sobre gestão e empreendedorismo

Busque cursos e treinamentos que sejam focados empreendedorismo e gestão de negócios para entender quais são e como trabalhar com os processos administrativos da sua clínica médica.

Isso porque, não basta somente abrir o consultório, você precisará fazer contratações de pessoal e, para isso, precisará entender sobre gestão de recursos humanos. Entenda como manter os seus colaboradores engajados e motivados nas suas atividades e negócio.

Tenha em mente que você precisará lidar com esses desafios diariamente. Isso porque, todo negócio conta com burocracias que não podem ser esquecidas.

Na hora de abrir a sua empresa, conte com o apoio de um contador especializado na área da saúde para ajudar nos procedimentos e oficialização do seu negócio.

Seja inovador e domine as tecnologias

Até mesmo os profissionais mais conceituados no mercado médico estão buscando se atualizar. Isso poque, é impossível viver e sobreviver no mercado sem dominar as novas tecnologias e trazer inovações aos pacientes.

Claro, algumas técnicas clássicas nunca serão esquecidas, e nem devem. No entanto, os pacientes estão buscando diagnósticos mais ágeis e equipamentos que promovam um atendimento de ponta.

Afinal, o que se busca é a precisão e agilidade. Então, é preciso que ofereça isso para os seus clientes. Mas, para não tornar o seu negócio ainda mais caro, quanto mais você dominar as tecnologias, mais será a sua lucratividade.

Então, para empreender é preciso superar as expectativas dos pacientes, com técnicas e equipamentos médicos inovadores.

Busque parcerias profissionais

Para oferecer aos seus pacientes todas as áreas que sejam de interesse do escopo da sua clínica, procure profissionais que possam se tornar parceiro. Ao entender o mercado, você saberá quais são os serviços procurados pelo seu público e, aqueles que não for da sua especialidade, você poderá fazer parcerias para oferecê-los.

Assim, você conseguirá ganhar mais autoridade no mercado dentro de uma especialidade, tornando o seu consultório mais forte e conceituado por oferecer diferentes serviços dentro de uma mesma área.

Por exemplo, se a sua área é ortopedia, são diversas subáreas que compõem esse nicho. Se a sua especialidade são os membros inferiores, procure médicos que seja especialista em membros superiores, costas, coluna, entre outras opções.

Cuide com a divulgação do trabalho

Fique atento às recomendações do Conselho Federal de Medicina (CFM), quanto a publicidade na área da medicina. Afinal, é preciso seguir as regras para divulgar o seu trabalho nas redes sociais.

Portanto, fique atento às regras, uma vez que é proibido o uso de imagens de pacientes, diagnósticos à distância e divulgar valores por exemplo. Por isso, não ultrapasse os limites na ansiedade de trabalhar com o marketing de conteúdo.

Portanto, ao decidir pela carreira de médico empreendedor, se prepare e invista em opções que projetem o seu negócio para além de um simples consultório. Torne o seu empreendimento algo diferente, inovador e acolhedor para os seus pacientes.

Que tal, agora que você já sabe como se tornar um médico empreendedor, descubra quais são possibilidades de abertura de empresa para o seu negócio!

1 comentário em “Médico empreendedor: como começar o seu negócio?”

  1. Pingback: CNPJ para médico – Blog Escritax

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima